que pousa na nossa janela pouquíssimas vezes. Corra atrás da sua libélula, sem medo de se machucar. Viva o seu romance. Viva o seu último romance.

Nem as cores mais lindas que fazem do arco-íris um fenômeno natural tão belo de se ver é capaz de ofuscar a beleza do teu sorriso. Nem o sol é mais brilhante que teus olhos. Nem o espaço sideral é tão extenso como o amor que sinto por você.

sabe quando você abraça alguém e a pessoa sorri e o rosto encosta no seu e então parece que a sua alma ganhou uma extensão sorridente? você me dá a sensação de que a minha boca também sorri, mas fora de mim. aí, na sua. e eu me sinto apertando a campainha da vida pra depois sair correndo de tanto amor. de tanta paz. e ninguém sabe o quão bem você me faz só de existir
sensacional é te sentir tão perto mesmo que tão longe
não existe ontem ou antes depois de nós

yas

"Olhe para as estrelas. Veja como elas brilham todas por você e por tudo que você faz.”
Coldplay.

Ficar é tão difícil assim? Achei que só doesse a vontade de voltar, que é o que eu sinto agora. A vontade de agarrar o que não está mais ao meu alcance e de sair correndo gritando teu nome e acabar naquela parte deserta da praia rindo do nada e dizendo o quanto eu te amo nas horas infernais e que quando eu acordo eu acho que o mundo já acabou e que é muito difícil respirar e seguir em frente e que é mais ou menos isso que eu sinto contigo, uma vontade de parar porque é demais, mas também uma vontade de continuar porque não é suficiente. Você que é muito raso ou eu que mergulhei errado? 

caminha ao meu lado e me diz quantos deuses derrubamos, quantos homens amamos, quem ficou pra trás. caminha ao meu lado e me diz porque caminhamos tanto se o coração é um não-lugar, se desejo é um não-lugar, e me conta histórias cheias de fúria sobre os limites do universo. caminha ao meu lado e me conta repetidamente porque dois corpos, ainda que separados, caminham juntos. 

©